foto3

Cursos Extracurriculares

 

Futsal –A prática do futsal é extremamente importante para auxiliar na qualidade de vida da criançaeadolescente. O Futsal é uma atividade física que desenvolve habilidades motoras gerais como locomoção,coordenação, domínio da bola, manipulação e equilíbrio, através de movimentos específicos, identificando e valorizando as regras e características básicas do esporte, assim como promovendo a socialização dos praticantes e desenvolvendo o espírito de equipe. Melhora a capacidade cardiovascular e o condicionamento físico em geral e promove também uma melhoria no equilíbrio, na agilidade e na percepção espacial.

Ginástica Artística – A prática da ginástica artística além de trabalhar e desenvolver as habilidades físicas, auxilia no aspecto cognitivo e afetivo-social, pois é necessário o envolvimento com medos, desafios, raciocínio, respeito e convivência com o próximo. Trabalha-se também o aspecto educacional, impondo limites, regras, cuidados e obediência, dessa forma a modalidade favorece ao indivíduo tanto desenvolvimento no esporte quanto à sua formação como cidadão.

Capoeira - A capoeira estimula a criança física e psicologicamente, trabalha suas habilidades e capacidades de interpretação e organização das informações, as quais são muito importantes nessa fase em que a criança está em pleno processo de construção do conhecimento sobre si mesma e do mundo que a rodeia. As crianças aprendem a Capoeira brincando. A musicalidade, sempre presente na Capoeira, instiga o aluno a manusear os instrumentos, a cantar e compor, assim, potencializando sua inteligência musical.  A Capoeira desenvolve a coordenação motora, equilíbrio, ritmo, resistência muscular, aumento dos reflexos, força e agilidade, o campo visual, a criatividade, autoestima, a disciplina e o respeito, automatização de movimentos e educa as crianças na administração do tempo e espaço dentro de um movimento. O resultado é uma criança mais desinibida e com mais segurança.

Outra vantagem da Capoeira para a criança é que não gera nenhuma frustração com relação à competição, pois o objetivo a ser alcançado é sempre o da autossuperação e não da superação sobre os demais companheiros.